Sem Cerimônia: comunicadoras lançam livro com dicas sobre falar em público

quinta-feira, junho 22, 2017
Cena do filme O Discurso do Rei
Pelo menos 60% da população brasileira sofre para falar em público.
Assim como o Rei no filme O Discurso do Rei, tremedeira, tonturas, dores, enjoos e gagueira acabam sendo alguns dos sintomas devido ao nervoso de ter que lidar com a situação.

Por saber que existem pessoas que encaram o ato de falar em público com pavor, Patrícia e Claudia, com o bom humor e simplicidade norteiam uma narrativa repleta de experiências reais como mestres de cerimônias em eventos; o livro Sem Cerimônia atinge seu objetivo de ajudar outras pessoas a se comunicarem melhor e deixarem para trás o medo do palco.


Quais características, afinal, fazem um comunicador se destacar? E, mais do que isso: por quê é tão difícil para alguns falar em público? É para ajudar a responder a essas e a mais um tanto de questões relacionadas ao assunto que as comunicadoras Patrícia Paes e Cláudia Bertazzo lançam no próximo dia 11 de julho o livro Sem Cerimônia (Editora Inspirandoser), na Livraria da Vila, na Vila Madalena, em São Paulo. Durante o lançamento, as duas vão bater um um papo com os convidados e compartilhar vivências, além de tirarem dúvidas de quem ainda tem aquela sensação incômoda quando precisa falar para muitas pessoas.

A experiência da dupla apresentando eventos e atuando como mestres de cerimônias para os mais diversos segmentos e atividades rendeu uma coleção de histórias profissionais. Todas elas estão registradas no livro em forma de uma narrativa envolvente e cheia de bom humor, que busca desmistificar a comunicação e o falar em público, práticas tão temidas por muitas pessoas.  

Contamos sobre alguns acontecimentos bastante engraçados que já se passaram na nossa rotina profissional, e como contornamos as situações com improviso quando necessário. A ideia do livro, inclusive, veio quando eu estava em um evento que apresentaria e, quando já estava tudo pronto e o público chegando, fiquei sabendo que a empresa que levaria as cadeiras não chegaria a tempo. Imagina a situação. E o texto está recheado dessas histórias”, lembra Patrícia.



O principal objetivo do livro, segundo ela, é ajudar as pessoas a entenderem que todos possuem algum receio no momento de se comunicar, até quem tem anos de profissão e experiência com o público. “Sempre me perguntam como consigo chegar no palco e falar tranquilamente. Mas é um exercício. Por isso, queremos a partir das nossas histórias mostrar para as pessoas que o medo é um sentimento humano e mesmo a gente que trabalha com isso também sente. O bacana é que há maneiras de superarmos isso e lidar com a comunicação como algo mais simples e natural, não como sinônimo de nervosismo ou de um bicho papão. Queremos mostrar que a comunicação pode acontecer naturalmente e sem cerimônia”, avalia.

Para Cláudia, o maior propósito do projeto é justamente expor as saias justas e dificuldades já vivenciadas pela dupla quando o assunto é comunicação, e mostrar como é possível sair delas. “Percebemos com o tempo esse medo gigante das pessoas se expressarem não só no palco, mas na vida. Há pessoas que têm ideias incríveis mas não conseguem expor isso para ninguém, e é nisso que a gente quer ajudar. Não temos pretensão nenhuma de sermos grandes escritoras, mas queremos tirar o mistério sobre esse assunto do falar em público. Nossa ideia é inclusive expandir isso para palestras e cursos, mas não esses com receitas prontas sobre se comunicar melhor. Queremos mostrar para as pessoas que elas já têm os recursos dentro delas. Só é preciso desenvolvê-los, valorizando as singularidades de cada um”, revela.


Patrícia Paes
Desde 2001 trabalha como apresentadora, locutora e Mestre de Cerimônias. Se destacou inicialmente no rádio, na Jovem Pan de Campinas, onde ingressou após concluir o curso de radialista no Senac de São Paulo. Tornou-se voz de importantes campanhas publicitárias e institucionais no Brasil e exterior, atendendo empresas como Avon, John Deere e Ambev. Também se especializou na apresentação de programas institucionais ao vivo, em empresas como Mercedes Benz e EMS Farmacêutica. Também se dedica à dublagem, considerada por ela uma paixão.



Cláudia Bertazzo
Desde 1997 atua como apresentadora de TV, atriz e Mestre de Cerimônias para as principais empresas do País e da América Latina. Gosta de aprender, valoriza o bom humor e a alegria, e acredita que a vida flui com mais leveza assim. Formada também como radialista, teve passagem por rádios atuando em locuções comerciais, além de ter realizado trabalhos de dublagem. Já trabalhou em diversas campanhas e vídeos institucionais para empresas como CPFL, Arno, Bosch e Natura.


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.