O amor é melhor quando é compartilhado

domingo, abril 17, 2016

Depois de tantas decepções, ergueu um muro em torno de si, foi o jeito que encontrou para passar ilesa no meio de tantas complicações. Perita na arte da desilusão, cansou de esperar o príncipe encantado, agora passa os dias orgulhosa de si por ser uma mulher independente e não precisar de homem para faze-la feliz. 

Contudo, não é fácil passar os dias tendo que convencer a si mesma que é melhor viver sozinha. Quando chega a noite e ela se vê desacompanhada, tudo o que queria era virar para o lado e encontrar alguém, um abraço, uma palavra, uma carícia, mas o medo de se apegar é maior. Porque deixar alguém entrar sendo que irá embora depois?

Quando alguém a questiona sobre pretendentes, a resposta já esta pronta "Romance só é bom nos livros, não existe essa história de alma gêmea, casais brigam todo o tempo, mentem com frequência e somem quando o momento fica difícil."
E assim ela consegue mudar o assunto.

Mas no fundo, por trás de toda a marra de garota mandona, ainda sonha com alguém que apareça na sua casa após uma briga por telefone, que traga uma rosa numa terça-feira a tarde sem nenhum motivo aparente, que a admire quando estiver sem maquiagem, que a faça sorrir com piadas idiotas e que, acima de tudo, a faça perceber que o amor é melhor quando é compartilhado.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.