Se nós estamos tão cheios, por que parecemos tão vazios?

terça-feira, março 29, 2016

A rotina saturada tem me torturado a algum tempo, para ser mais exata, depois de completar meus 18 anos. Foi ai que comecei  a sentir os efeitos de uma vida cheia de oportunidades, pessoas e momentos. Mas acontece, que nem sempre é disso que estamos precisando. E sim, você nunca vai saber do que realmente precisa, e então vai lutar constantemente com a sensação de que algo está faltando, de que algo está errado. Pode ser que você ainda não tenha se dado conta, talvez porque esteja cego, com tantos "amigos" e 'oportunidades ". Mas se você parar em meio a todo esse caos de acontecimentos e respirar, você vai sentir, você vai saber como eu me sinto. E essa sensação é esmagadora, ela reprime o âmago, aperta o estômago, e faz você se  sentir como se estivesse a bera de um abismo e a sua única opção fosse pular. E isso não para, na verdade só aumenta conforme vamos tomando decisões  de longo prazo, seja um relacionamento, uma faculdade, um emprego entre outros. E o pior de tudo é saber que você está cheio, mas se sente vazio. Uma verdadeira contradição que ninguém pode solucionar para você. E quando você menos se dá conta, você está a sós com você mesmo, e não consegue fugir desse tipo de indagação. Então a única coisa que te resta, é sentir, saborear e " quebrar" a cabeça para decifrar esse enigma e finalmente estar cheio e se sentir cheio.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.