Para ler nas férias #2: Caverna do Dragão

domingo, dezembro 28, 2014


Os livros são como uma releitura do desenho, para os dias atuais e os colocando em 2011. Tem triângulo amoroso, novos povos, explicações plausíveis para as armas do poder e claro, O Mestre dos Magos, Vingador e os jovens Diana, Bobby, Sheila, Erik, Presto e Hank, que depois de entrarem na maior montanha-russa do mundo, chegam ao reino. 

Autor: D4mon3
Nome dos livros: Caverna do Dragão - o reino, Caverna do Dragão - duas cores. 


Bom, Damone é meu amigo e nos encontramos na Bienal do Livro de SP desse ano, o cara foi totalmente simpático, me zoou porque eu encho o saco dele desde a Bienal de 2012 querendo os livros e por conta disso, tomei a liberdade de pedir para ele mandar um recado pros leitores do blog, então ai está!


"Escrever Caverna do Dragão foi muito mais uma forma de aliviar minha alma do que um processo de criar um livro. Desculpe a forma que vou falar, mas é a que melhor encontrei para ilustrar: Foi como passar o fio dental para tirar aquela última casquinha de pipoca. Rsss.  Se você deixar aquilo te incomoda até que tome uma atitude. E demorei mais de 20 anos com essa casquinha de pipoca me incomodando. 
O medo ao concluir o trabalho foi grande, a agonia de não saber o final foi trocada pela agonia de como seria recebido, de como me interpretariam...
Pois bem, três anos depois só tenho a agradecer aos 99% que leram o livro. Caverna do Dragão – O Reino é uma nova história, não somente o fim, mas um começo que o desenho não tinha. Procurei trazer a trama para os dias atuais, dar novas cores, novos sentimentos.  Tentei  repartir entre os personagens as dificuldades da minha adolescência, os caminhos e desafios que passei.
Procurei dar alegria aos lugares sombrios do Reino, manter o bom “mau humor” de Eric, dar vida a apreensão de Hank e às ansiedades de Sheila e Diana. Procurei passar alegria a Presto e Bobby, seja na segurança de um ou na impetuosidade infantil do outro.  Procurei fazer do Mestre dos Magos um guia que ensinasse a pescar e dar ao Vingador sua chance de exercer sua maldade apenas pela maldade.
E mais ainda, procurei lançar você leitor numa montanha russa que lhe tirasse o folêgo, mesmo após o final.
De coração,


D4mon3."

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.